Subir

Como o comportamento do usuário afeta as posições no Google

São inúmeros fatores analisados pelas plataformas do Google na hora de ranquear uma página ou site. São mais de 200 aspectos que determinam qual site é o melhor para atender a necessidade de quem utiliza a ferramenta de busca. Um site melhor sobre vários aspectos vai oferecer uma experiência positiva para o usuário e, por isso, pode ser indicado pelo Google entre os primeiros resultados.

Já faz algum tempo que os algoritmos do Google vêm considerando que a experiência do usuário é um fator cada vez mais determinante para o ranqueamento dos resultados das pesquisas. Por isso, a importância de investir tempo no planejamento antes de começar a criar o site.

Um estudo feito pela Experienced Dynamics mostrou que o conteúdo de uma página não otimizada faz com que 70% dos usuários deixem o site em busca de outro. Por isso, é importante que texto do site ou mesmo um post do blog tenha, além de uma boa otimização, informaçôes valiosas para o usuário.

Como a experiência do usuário afeta o SEO no desempenho da página.

Quanto mais afinada está uma página, melhor será seu desempenho. E, quanto melhor o desempenho, melhor o posicionamento nos rankings. Quando um usuário entra em um site a partir de uma busca no Google, consegue navegar com facilidade e encontra nele o que procurava, sua experiência com esse site é positiva. Isso faz com que o buscador entenda que um site de carregamento rápido e com conteúdo organizado facilita a vida de quem faz uma busca, em comparação a um site lento, pesado e desorganizado.

Bounce Rate: Satisfação e comportamento do usuário.

Existe uma métrica muito importante para garantir um bom posicionamento no Google que é o tempo de permanência dos leitores que chegam por meio de pesquisas, chamada Bounce Rate.

Em outras palavras, a métrica funciona da seguinte maneira: se um leitor entrou em um site e ficou bastante tempo por lá significa que ele ficou satisfeito ou o conteúdo foi muito útil. Logo, o usuário está totalmente ou parcialmente satisfeito. Da mesma forma o contrário pode acontecer:

Se o usuário fica perdido num site ou não consegue encontrar o conteúdo pretendido facilmente;
Se o usuário clica em várias páginas e sai rapidamente, sem voltar depois, ou mantêm uma rotina de visitação.

Por isso, é importante investir em conteúdo de qualidade, principalmente na introdução. O leitor precisa ser conquistado logo no primeiro parágrafo para continuar lendo o seu conteúdo. Para ajudar, imagens, vídeos e infográficos ajudam a dar fôlego ao texto e torna o seu site muito mais atraente.

link buildingLinks internos: mantenha o leitor no seu site

Como já vimos, fazer com que o usuário passe o máximo de tempo possível no seu site é um ótimo sinal para o Google. Ter links internos no seu artigo apontando para outros tópicos relacionados pode ajudar a incentivar a permanência do leitor no seu site. Além de facilitar para o usuário, a linkagem interna também proporciona que o Google,que navega por links, visite e indexe mais páginas do site.

Conteúdo de valor

Uma dos fatores que o Google leva em conta para analisar a experiência do usuário com o site, é a satisfação dele. Isso é demonstrado através do tempo de permanência, quantidade de páginas visitadas e compartilhamento de conteúdo nas mídias sociais. Por isso, é fundamental que o conteúdo do site, desde os textos das páginas como também os artigos do blog sejam bem escritos e tenham informações que realmente façam a diferença para o usuário. Isso vai proporcionar satisfação a ele.

 

Leia também:

Como evitar SPAM no seu site

Os filtros de spam, através de diferentes critérios, filtram e-mails em massa indesejados e não solicitados, evitando que cheguem às caixas de entrada.  Basicamente, eles examinam e-mails nos mínimos detalhes para garantir

Readmore »

Inteligência artificial no marketing digital

A internet sempre encontra um jeito de nos surpreender. Todos os dias é uma nova ferramenta, aplicativo ou algoritmo para facilitar ainda mais nossas vidas. Marketing Digital e Inteligência Artificial fazem parte desse universo em constante expansão. Quando falamos em Inteligência Artificial, qual a

Readmore »
readmore
readmore
readmore
readmore
readmore
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x